Enfermagem

Coordenação

Marly Terezinha Della Latta

prof_marly@uniguacu.edu.br

 

PERÍODO DO CURSO: Matutino

 

VAGAS: 80 vagas anuais matutino

 

DURAÇÃO: 5 anos

 

CARGA HORÁRIA TOTAL: 3620 horas

 

ATIVIDADES COMPLEMENTARES: 200 horas (140 em atividades acadêmicas e 60 em atividades sociais)

Perfil do Profissional

Enfermeiro com formação generalista e humanística, com espírito crítico e reflexivo, para atuarem em todos os níveis de atenção à saúde, sempre com base no rigor científico e intelectual. Profissionais capacitado para o exercício de atividades referentes aos fármacos e aos medicamentos, principais vias de administração, efeitos colaterais, principais cuidados de enfermagem quanto a dose, interações medicamentosas, mecanismo de ação e outros aspectos relacionados aos medicamentos administrados e ou prescritos pelo médico. Enfermeiro capacitado à compreensão da realidade social, cultural e econômica do seu meio, atuando com princípios éticos para transformação da realidade em benefício da sociedade além de enfrentar os desafios de um mundo globalizado, onde os avanços científicos ocorrem rapidamente.

ÁREAS DE ATUAÇÃO

– Atuar em todos os níveis de atenção à saúde, integrando-se em programas de promoção, manutenção, prevenção, proteção e recuperação da saúde, sensibilizados e comprometidos com o ser humano, respeitando-o e valorizando-o;

 

– Atuar multiprofissionalmente, interdisciplinarmente e transdisciplinarmente com extrema produtividade na promoção da saúde baseado na convicção científica, de cidadania e de ética; reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;

 

– Exercer sua profissão de forma articulada ao contexto social, entendendo-a como uma forma de participação e contribuição social;

 

– Conhecer métodos e técnicas de investigação e elaboração de trabalhos acadêmicos e científicos;

 

– Reorganizar desenvolver assistência à saúde de maneira individual e coletiva; desenvolver atenção à saúde e a prestação de serviços, sendo capaz aplicar injetáveis, executar pequenos curativos, nebulização e/ou inalação; verificar temperatura e pressão arterial; determinar parâmetros bioquímicos e fisiológicos; proceder a guarda e aplicação de medicamentos biológicos e perecíveis;

 

– Avaliar as interações medicamento/medicamento e alimento/medicamento;

 

– Interpretar e avaliar prescrições;

 

– Atuar na dispensação de medicamentos e correlatos;

 

– Administrar conforme prescrição médico ou profissional afim, a nutrição enteral e parenteral;

 

– Organizar protocolo de monitoramento aos paciente-clientes com nutrição parenteral e enteral conforme necessidade da instituição;

 

– Planejar um plano de cuidado relacionado a cada paciente-cliente individualmente;

 

– Atuar em órgãos de regulamentação e fiscalização do exercício profissional e de aprovação, registros, conselhos;

 

– Atuar no planejamento de ações educativas tanto no âmbito privativo como público;

 

– Deter conhecimentos de métodos epidemiológicos para levantar e analisar a ocorrência, a determinação e a distribuição dos fatores de risco e das patologias que alteram o estado de saúde da população;

 

– Conhecer a importância do Estado e da Sociedade nas Políticas de Saúde para analisar crítica e reflexivamente os problemas de saúde tanto no campo individual como no coletivo;

 

– Compreender o processo saúde-doença, na perspectiva das terapias alternativas na área da saúde e os princípios fundamentais que norteiam estas práticas terapêuticas;

 

– Atuar na promoção e gerenciamento no planejamento do plano de cuidado, em todos os níveis do sistema de saúde, tanto no âmbito do setor público como do privado;

 

– Gerenciar unidades de saúdes, clínicas e outras instituições que prestam cuidados ao ser humano de forma humanizada e ética;

 

– Atuar no âmbito hospitalar sendo capaz de gerenciar, desenvolver infraestrutura, preparar, distribuir, dispensar e controlar medicamentos e correlatos, bem como estar apto para proceder ao fracionamento e preparo de medicamentos;

 

– Realizar, interpretar, emitir laudos e pareceres e responsabilizar-se tecnicamente por procedimentos de média e alta complexidade conforme amparo legal;

 

– Realizar procedimentos relacionados à coleta de material para fins de análises laboratoriais e toxicológicas;

 

– Avaliar a interferência de medicamentos, alimentos e outros interferentes em exames laboratoriais;

 

– Exercer supervisão direta quanto a implementação do plano de cuidado pela equipe de enfermagem sob sua responsabilidade;

 

– Reconhecer e respeitar a diversidade em seus aspectos sociais, culturais e físicos, detectando e combatendo todas as formas de discriminação;

 

– Sistematizar e socializar as reflexões sobre a prática profissional, investigando o contexto educativo-cuidativo;

 

– Elaborar e desenvolver projetos pessoais de estudo e trabalhos, empenhando-se em compartilhar suas experiências práticas e produzir coletivamente;

 

– Participar coletiva e cooperativamente da elaboração, gestão e desenvolvimento e avaliação do projeto educativo-cuidativo nos diferentes contextos da prática profissional;

 

– Utilizar-se de recursos da tecnologia, da informação e da comunicação de forma a aumentar as possibilidades do processo ensino-aprendizagem;

 

– Contextualizar os conteúdos específicos da área com os aspectos do mundo;

 

– Dominar competências e habilidades que lhe permitam desenvolver adequadamente a sua profissão;

 

– Interpretar com exatidão e criticamente receitas magistrais e oficinais;

 

– Exercer sua profissão de forma ética e moral conforme propõe o Conselho Federal de Enfermagem (COFEN) e o Conselho Regional de Enfermagem (COREN);

 

– Deter conhecimentos básicos de métodos terapêuticos alternativos;

 

– Elaborar protocolos de atendimento conforme necessidade de instituição ou serviço na área da saúde;

 

– Gerenciar recursos humanos conforme cargo que ocupa no serviço de saúde público ou privado.

RECONHECIMENTO

Reconhecido pela Portaria n.º 01, de 06 de janeiro de 2012 – DOU de 09 de janeiro de 2012.

VALOR

MENSALIDADE PARA PAGAMENTO ATÉ DIA 6:

R$ 865,36